Cada vez mais, de forma irreversível, o cliente escolhe e decide. E, por isso, o nosso melhor produto, aquele em que o nosso Marketing põe toda a fé, pode ser um fracasso, se o chato do cliente não gostar dele…

Donde:
1. Quanto mais bem pensado o cliente a quem o produto se destina, mais perto de acertarmos
2. Se mesmo assim não resultar, isto é apenas um resultado que era possível, logo, move forward!

Pin It on Pinterest

Share This

Partilhar

Partilhar

Partilhe este conteúdo!

%d bloggers like this: